Neutrox Weekend tem primeiras baterias e semifinais definidas em Itacaré

By abrasp | 9 de junho de 2019 | Destaque, Feminino

COMPETIÇÃO COMEÇOU SÁBADO NA PRAIA DA TIRIRICA E AÇÕES FORAM DA ÁGUA TAMBÉM AGITARAM O EVENTO

Julia Duarte – Foto: Fabriciano Junior/Abrasp

O Neutrox Weekend, competição de surf exclusiva para mulheres, já tem suas semifinais definidas. Neste sábado (8), as atletas caíram na água da Praia da Tiririca para a disputa das quartas-de-final do evento válido pelo ranking da Associação Brasileira de Surf Profissional (Abrasp) e que distribui R$ 15 mil de premiação. As disputas seguem neste domingo (9) e junto com a decisão do surf, serão realizadas as finais do stand up paddle (SUP) wave.

Junto com as meninas no mar, ações promovidas pela Neutrox como palestras, yoga, zumba, muay thai e escolinhas de vôlei e surf, são realizadas para os visitantes da Praia da Tiririca. A cearense Silvana Lima, atleta do Circuito Mundial da WSL, prestigia o evento e também é uma atração. No total, sete estados estão representados no campeonato.

Neste sábado, o grande nome do dia foi a cearense Larissa dos Santos, uma das grandes promessas do surf, com apenas 20 anos. Quem também surfou bem foi a representante brasileira nos Jogos Pan-Americanos de Lima, deste ano, Karol Ribeiro, de Cabo Frio/RJ. Já a atual campeã brasileira, a paulista Camila Cássia, não conseguiu avançar para a semifinal.

Larissa Santos – Foto: Fabriciano Junior/Abrasp

Das oito semifinalistas para domingo, cinco são do Rio de Janeiro. Larissa está na primeira bateria junto com Kayane Reis e Luara Thompson, do RJ, e a baiana Tais Oliveira. Karol está na outra semi, com Júlia Duarte, que aparece como grande promessa, com apenas 16 anos, a experiente Tais de Almeida, ambas também do RJ, e a paulista Luana Coutinho, campeã brasileira de 2017.

Neste sábado, na primeira bateria do dia, Larissa dos Santos conseguiu duas boas ondas para ter a melhor média do dia: 13,50. Na mesma bateria, Julia Duarte também garantiu um lugar na semifinal com 8,75. “Quebra o gelo da competição. O importante era passar por essa primeira bateria. Consegui um 7,5 e um 6. Estou na briga pelo título, então é muito bom passar pelas quartas. Agora, tenho que focar para a próxima bateria e ir à final”, falou a vencedora da bateria.

Em seguida, foi a vez de Karol Ribeiro, Kayane Reis, Manu Ronnau e Dani Albuquerque caírem na água. De lycra branca, a carioca Karol Ribeiro levou a melhor com a média com 8,15 e Kayane Ribeiro, com 5,70, também segue na competição.

Karol Ribeiro – Foto: Fabriciano Junior/Abrasp

“Tenho um carinho muito especial por Itacaré. Essa cidade é um paraíso, além de toda a estrutura que é montada aqui para o surf feminino. Com certeza, é a competição que eu mais gosto de surfar. Foi uma bateria bem difícil, então o importante era passar para a próxima fase”, explicou Karol.

Na terceira bateria das quartas, Luara Thompson deu emoção à disputa. Nos últimos minutos, a atleta do Rio de Janeiro, com a melhor onda da bateria que valeu 2,85, virou o placar para vencer a disputa e avançar à semifinal junto com Luana Coutinho. “Foi uma bateria definida em detalhes. A condição do mar não está muito boa hoje, então você precisa extrair ao máximo a melhor onda da série. Consegui a melhor da bateria e passei. Vamos ver o que acontece agora na semifinal”, disse Luara.

Tais de Almeida, Tais Oliveira, Vidda Cavalcante e Monika Takaki fizeram a bateria que encerrou as disputas deste sábado. Com uma onda 5,75 e uma 3, Tais de Almeida passou à próxima fase em primeiro lugar na bateria. Sua chara baiana, Tais Oliveira, avançou com a segunda colocação (5,76).

Neutrox Weekend – Foto: Fabriciano Junior/Abrasp

“Foi uma bateria bem complicada. Consegui achar boas ondas e passar para a semifinal. Amo esse lugar. A energia daqui é incrível, além de sempre ser muito bem recebida. Amanhã teremos as disputas decisivas e espero sair daqui com o título”, falou Tais de Almeida.

Em busca de melhores condições do mar, a organização do Neutrox Weekend preferiu deixar a semifinal e a final da competição para domingo (9). A disputa do desafio de SUP Wave, que vale R$ 3 mil, também será neste domingo. As ações fora da água também continuam e tanto o surf quanto o SUP podem ser acompanhados ao vivo pela internet pelo site www.surfcore.com.br.

O Neutrox Weekend é uma realização da Abrasp, com patrocínio da Neutrox. A etapa de Itacaré tem o copatrocínio de Ecoporan Hotel Charme Spa & Eventos e apoios da Prefeitura de Itacaré, Federação Baiana de Surf e Associação de Surf de Itacaré.

 

TEXTO: JOÃO PAULO DE CASTRO

Este slideshow necessita de JavaScript.